contato@camileetostes.com.br    |   

Cuidados com a pele e os cabelos no inverno: saiba tudo que você precisa fazer para evitar a pele ressecada no frio!

Com a chegada do inverno, precisamos adequar a nossa rotina de cuidados com a pele. Isso porque a estação mais fria do ano, com temperaturas baixas e ar mais seco, prejudicam a barreira cutânea e alteram a sua aparência, deixando-a mais ressecada, descamando, sensível e suscetível a alergias.

O que fazer para evitar a pele ressecada no inverno?

O principal cuidado que precisamos ter é com a hidratação da pele no inverno, seja por via oral – bebendo bastante água – ou tópica, utilizando produtos que tenham componentes hidratantes, como óleos, manteiga de karité, lanolina, entre outros. O objetivo principal desses produtos é reter a água na pele, evitando sua perda excessiva, o que pode deixá-la ressecada.

O melhor momento para passar o hidratante no corpo é logo após o banho. É nessa hora que a pele está mais preparada para receber o produto, logo, o seu potencial hidratante será ainda mais eficaz.

Cuidado com os cabelos no tempo frio

Assim como a pele, os cabelos também sofrem com a chegada do inverno. A principal razão para isso é a água quente do banho, que remove a camada natural de óleo do couro cabeludo, que protege e hidrata os fios. Além disso, a água muito quente faz com que o couro cabeludo descame, dando origem à caspa. O ideal é, portanto, tomar banho com água morna.

Outro ponto importante é não deixar de lavar o cabelo no inverno. Sabemos que, por conta do frio, é preciso bastante coragem para ficar com os cabelos molhados. Mas é importante lavá-los pelo menos duas vezes na semana para remover as impurezas que se acumulam no couro cabeludo, e essa sujeira faz com que os fios fiquem mais sujeitos a quedas e quebras.

No banho, é fundamental usar condicionador sempre que lavar o cabelo ou apostar em uma máscara hidratante. Isso dá mais vida e força aos fios, que sofrem bastante com o vento frio do inverno. Para quem tem cabelo colorido, os cuidados com a hidratação precisam ser ainda maiores, já que o cabelo sofre mais danos com a tintura.

É também nessa estação que algumas doenças de pele costumam piorar, como a dermatite atópica e a psoríase, já que elas se aproveitam do ressecamento da pele para desencadear crises e deixar a pele vermelha e descamando. Quem sofre com essas doenças precisa de tratamento e acompanhamento com o médico dermatologista.

Lábios também precisam de cuidados no inverno

Muitas pessoas também sofrem com lábios ressecados no inverno. A pele da boca tem uma camada de queratina muito mais fina do que a do rosto, por isso precisam de cuidados específicos. Assim como a pele do corpo e os cabelos, a hidratação dos lábios é indispensável, utilizando produtos específicos para a região e que contenham ativos hidratantes, como a manteiga de cacau, e alguma proteção solar. Uma vez por semana, também é recomendável realizar uma esfoliação labial para remover toda a pele morta do local.

Umedecer os lábios com saliva pode até dar um alívio momentâneo, mas esse hábito tende a ressecá-los ainda mais, portanto, evite fazer isso e tenha sempre em mãos algum hidratante labial. Além disso, evite puxar as peles que são provenientes do ressecamento, pois isso acaba agredindo ainda mais os lábios e gera mais desconfortos.

Consulte-se sempre com o dermatologista

Cada pele tem as suas particularidades e precisa de cuidados específicos. No inverno, as peles ressecadas e sensíveis sofrem mais, podendo ficar avermelhadas, com coceira e feridas. Se isso acontecer, é fundamental procurar a orientação do médico dermatologista.

Fonte: Medical Site

Agende sua consulta!
Camilee Tostes - Doctoralia.com.br